7.7.09
Estou a pensar em fazer algumas sessões de solário. Gostaria que me esclarecesse acerca desde assunto, pois estou com um pouco de receio.

 

 

O solário recorre ao uso de radiação ultra-violeta (sobretudo UVA) para estimular a pigmentação cutânea. Esta mesma pigmentação é, por si só, sinal de que a pele foi agredida e se "defendeu" contra essa agressão produzindo pigmento. Embora este seja um fenómeno natural e fisiológico o facto é que com a exposição sucessiva da pele à RUV esta tende a envelhecer precocemente, particularmente as peles mais claras, e a desenvolver e acumular erros do material genético que, mais tarde, podem dar origem a lesões malignas cutâneas.

Não assumindo uma postura fundamentalista, desaconselhá-la-ia a fazer solário de uma forma regular mas penso que se o fizer para ganhar uma pigmentação progressiva da pele em período pré-férias e de forma ocasional, não será particularmente preocupante.

link do postPor dermatologiaedermocosmetologia, às 11:46  comentar

4.5.09
Só de sair à rua ontem de tarde o meu rosto começou a coçar e quando vi já estava inchado (principalmente na área das "olheiras") e bastante vermelho. 

 

 

Trata-se sem dúvida de uma reacção cutânea em presença da luz solar. Resta saber se essa reacção é uma reacção dita idiopática (sem causa aparente), se só acontece na face e não no corpo ou se tem a ver com a "activação" de determinados constituintes de produtos de limpeza ou cremes que use aquando da exposição ao à radiação solar.

Para além dos protectores solares e cremes calmantes, existem várias substâncias que, ingeridas, podem fazer aumentar a resistência da pele à irradiação e torná-la menos reactiva, sempre e quando não se prove que pode ser feita a evicção de determinado produto envolvido na génese de dita reactividade quando exposto ao sol.

link do postPor dermatologiaedermocosmetologia, às 12:55  ver comentários (1) comentar


 



Neste espaço vocacionado para a Dermatologia e a Dermocosmetologia tentarão ser dadas respostas tão esclarecedoras quanto possível a dúvidas sobre doenças de pele ou alternativas terapêuticas nesta área, sempre e quando forem objectivas e se enquadrem neste âmbito, não funcionando como ferramenta de diagnóstico ou sugestão terapêutica específica em cada caso individual que, na esmagadora maioria das situações, carecem de uma avaliação pessoal.

Envie a sua questão
Este consultório online é um espaço onde pode colocar as suas dúvidas no âmbito da Dematologia e Dermocosmetologia. Este Consultório tem um carácter informativo e o acompanhamento médico especializado por parte dos leitores não deve ser descuidado.

E-mail: dermatologia@sapo.pt
Dr. Miguel Trincheiras


Licenciado em Medicina pela Universidade de Liège- Bélgica.
Especialista em Dermatologia e Venereologia pelos Hospitais Civis de Lisboa (H. Desterro) com o título de Assistente Graduado, tendo sido director do Serviço de Dermatologia do Hospital Reynaldo dos Santos até 2006.
Membro de várias sociedades nacionais e internacionais de Dermatologia e Dermocosmetologia.
Dedica actualmente a sua actividade clínica, no regime de medicina privada, em grande parte à Dermatologia Cirúrgica, Lasers e Dermocosmetologia entre Lisboa e em Espanha.



Contacto:
GO-Clinic
Ed. Atrium Saldanha
Pç. Duque de Saldanha, 1-8ºD
1050-094 Lisboa
Tel.: 218435920
E-mail: dermatologia@sapo.pt

Novembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


blogs SAPO