1.6.09
De ha mais ou menos dois anos para ca apareceu me umas borbulhas na face que me doiem bastante enquanto estao"cheias", depois de as "rebentar" a dor passa mas fico com a cara toda marcada e com feridas. 

 

 

Começando pela parte final da sua questão dir-lhe-ia que sim, há muito mais a fazer... sobretudo perante um quadro de acne com tendência cicatricial há que ser muito mais incisivo na terapêutica.

 

link do postPor dermatologiaedermocosmetologia, às 08:09  comentar

17.5.09
Tenho cicatrizes, algumas profundas, devido ao acne. Gostaria de saber se existe algum creme que poderá ajudar a atenuar estas cicatrizes provenientes do acne.

 

 

A resposta muito directa é não. As cicatrizes atróficas de acne são um desafio grande à terapêutica e só se conseguem resultados bons com técnicas realtivamente intervencionistas como a dermabrasão mecânica e o laser de CO2 (resurfacing ou fraccionado) seguido ou não de peelings com ác. tricloroacético (nomeadamente o Blue Peel) na tentativa de renivelar estas áreas deprimidas.

link do postPor dermatologiaedermocosmetologia, às 09:47  comentar

13.5.09

Gostaria de saber se o óleo de rosa mosqueta serve apenas para ajudar a amenizar as cicatrizes quelóides ou serve também para as cicatrizes fundas( depressões) deixadas pela acne?
O óleo de rosa mosqueta é um óptimo anti-inflamatório e um bom cicatrizante mas não tem qualquer efeito em cicatrizes atróficas de acne. A solução nesse caso passa pela correcção através de laser de CO2 ou dermabrasão cutânea, precedidas ou não pelo renivelamento das lesões deprimidas de maiores dimensões através de punção dérmico.

 

 

link do postPor dermatologiaedermocosmetologia, às 10:12  ver comentários (1) comentar

28.4.09
Sou homem e tenho 41 anos e bastantes marcas de acne na face, parecem buracos, já li que é possivel tirar estas marcas com laser.
É possivel e como funciona ? Que outras técnicas existem?

 

 

É verdade que as cicatrizes atróficas de acne são um desafio terapêutico difícil mas com o aparecimento de técnicas cada vez mais eficazes pode dizer-se que, hoje em dia, já é possível melhorar muito o aspecto de tão inestéticas marcas.

 

link do postPor dermatologiaedermocosmetologia, às 17:36  ver comentários (1) comentar


 



Neste espaço vocacionado para a Dermatologia e a Dermocosmetologia tentarão ser dadas respostas tão esclarecedoras quanto possível a dúvidas sobre doenças de pele ou alternativas terapêuticas nesta área, sempre e quando forem objectivas e se enquadrem neste âmbito, não funcionando como ferramenta de diagnóstico ou sugestão terapêutica específica em cada caso individual que, na esmagadora maioria das situações, carecem de uma avaliação pessoal.

Envie a sua questão
Este consultório online é um espaço onde pode colocar as suas dúvidas no âmbito da Dematologia e Dermocosmetologia. Este Consultório tem um carácter informativo e o acompanhamento médico especializado por parte dos leitores não deve ser descuidado.

E-mail: dermatologia@sapo.pt
Dr. Miguel Trincheiras


Licenciado em Medicina pela Universidade de Liège- Bélgica.
Especialista em Dermatologia e Venereologia pelos Hospitais Civis de Lisboa (H. Desterro) com o título de Assistente Graduado, tendo sido director do Serviço de Dermatologia do Hospital Reynaldo dos Santos até 2006.
Membro de várias sociedades nacionais e internacionais de Dermatologia e Dermocosmetologia.
Dedica actualmente a sua actividade clínica, no regime de medicina privada, em grande parte à Dermatologia Cirúrgica, Lasers e Dermocosmetologia entre Lisboa e em Espanha.



Contacto:
GO-Clinic
Ed. Atrium Saldanha
Pç. Duque de Saldanha, 1-8ºD
1050-094 Lisboa
Tel.: 218435920
E-mail: dermatologia@sapo.pt

Novembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


blogs SAPO